Ir para conteúdo

Lançamento da tradução: “Por quer ler Hannah Arendt hoje?”, de Richard. J. Bernstein

“Por que ler Hannah Arendt hoje?” é a primeira obra de Richard J. Bernstein traduzida para a língua Portuguesa. Bernstein é professor do departamento de Filosofia da New School e teve esta obra traduzida para 12 idiomas. A tradução e apresentação foram feitas pelo prof. Dr. Adriano Correia (UFG) e pela doutoranda Nádia Junqueira Ribeiro (Unicamp). Os tradutores lançarão o trabalho no Brasil no próximo dia 6 de outubro, às 18h, no ciclo palestras em celebração aos 115 anos do nascimento de Hannah Arendt e 70 anos da publicação de “Origens do Totalitarismo”, organizado pela Via Marginal. Inscrições via Sympla. 

No dia 1º de dezembro, o livro será lançado durante o XIII Encontro Internacional Hannah Arendt, com a presença de Richard J. Bernstein, que fará uma conferência e terá mediação de Correia e Ribeiro. Inscrições abertas no site do encontro. O livro foi publicado pela Editora Forense e está disponível para venda no site da editora. 

Sinopse

“Por que ler Hannah Arendt hoje?” é uma porta de entrada para o pensamento de Arendt e deve interessar a quem busca um pensamento político e filosófico capaz de apontar os problemas políticos do nosso tempo, fazer provocações, além de abrir frestas para pensar novas possibilidades.

Hannah Arendt foi uma das pensadoras políticas mais proeminentes do século XX. Ao pensar sobre o que estamos fazendo, Arendt refletiu a partir de eventos e pôde desenvolver uma noção acerca da política capaz de apontar as mazelas dos sombrios tempos contemporâneos, assim como possíveis iluminações. Embora os eventos refletidos por ela sejam em grande medida distintos dos que vivemos hoje, seu pensamento permanece atual e necessário para compreendermos a política do século XXI.

Richard J. Bernstein, um dos mais agudos e generosos críticos de Arendt, tem a extraordinária capacidade de indicar neste livro, com precisão e de forma sucinta, como os conceitos desenvolvidos por ela no século passado nos ajudam a pensar os desafios contemporâneos. Por que ler Hannah Arendt hoje? reflete sobre a questão dos apátridas e dos refugiados, do direito a ter direitos, e indica a atualidade de sua crítica ao sionismo. Ele também aborda reflexões de Arendt sobre racismo e segregação, o significado da banalidade do mal e a relação entre verdade, política e mentira. Bernstein também atualiza a noção arendtiana de espírito revolucionário e aponta para a importância dos conceitos de pluralidade, de liberdade pública e de responsabilidade para compreender a política.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: