Ir para conteúdo

Histórias dos pensamentos criminológicos

Segundo o autor Gabriel Ignacio Anitua, Histórias dos pensamentos criminológicos surgiu da ideia de elaborar uma espécie de manual para estudantes de Criminologia. Com a obra à mão, o aprendiz teria ferramentas para identificar as raízes do discurso deste ou daquele professor, e, indo além, destacar os princípios políticos e morais desses mesmos discursos. O resultado excede o objetivo inicial. Este livro não interessa apenas aos iniciados em Criminologia, mas, também, a todos os leitores que valorizam o pensamento crítico. O assunto é por demais complexo e ramifica-se pelos mais variados campos do conhecimento – Direito, Ciência Política, Sociologia, História, Filosofia, Biologia, Antropologia, Literatura. É um desfile de autores, opiniões, teorias e investigações acerca da construção do que se pensou ser o crime e, principalmente, o criminoso. São séculos em revista. O marco inicial é a formação do Estado moderno, no século XIII.

Detalhes

Título: Histórias dos pensamentos criminológicos

Autor: Gabriel Ignacio Anitua

Ano de Edição:2008

Número de Páginas: 944

Editora: Revan

Idioma: Português

Factótum Cultural Ver tudo

Um Amante do Conhecimento e com o desejo de levá-lo aos Confins da Galáxia !!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: