Notícias

Polícia Militar de Rondônia promove “Curso de Combate a Invasores Alienígenas”

A Polícia Militar do estado de Rondônia no Brasil, publicou um documento oficial que causou muito espanto e questionamento: Um Curso de Combate a Invasores Alienígenas para vários de seus soldados.

Embora tudo indicasse que, de acordo com o documento que tramita no Sistema Eletrônico de Informações (SEI), aquela brigada estaria mesmo se preparando para uma possível invasão alienígena, esse sentimento foi logo amenizado pelo setor de Comunicação do Comando Geral da Polícia Militar (PM/RO).

De acordo com o que foi reportado pelo site Rondônia Dinâmica, o documento é mesmo real, mas trata-se de um módulo fictício criado por alunos do Curso de Habilitação de Oficiais Administrativos (CHOA). 

Ainda de acordo com o site Rondônia Dinâmica, “quando o usuário se atém ao objeto do documento, única informação exposta a quem procura documentos no sistema, surgem dados como ‘Considerando os recentes ataques alienígenas à população do mundo’, corroborando com a curiosidade e reforçando a desinformação”.  

Abaixo estão os documentos que causaram toda a agitação:

CONFIRA from Rondoniadinamica Jornal Eletrônico

Embora provavelmente se trate somente de uma ação para fins de treinamento, há quem diga que forças militares na Terra já foram atacadas por invasores alienígenas. Mas sem provas concretas, tudo fica no âmbito das teorias da conspiração.

Colaboração: Kleber Lima

n3m3. Ovni Hoje. 10.11.2019.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.