Notícias

A icônica fotografia de H.S. Wong

None
– Wikimedia Commons

Incluída entre as 100 Fotografias que Mudaram o Mundo, a imagem do bebê chinês em meio aos escombros causou muitas controvérsias

Entre a Primeira e a Segunda Guerra, enquanto países da Europa se inflamavam com desejos nacionalistas, a Ásia também fervia. A pequena ilha do Japão ia gradualmente despontando como potência imperial, e as batalhas contra a China culminaram no que ficou conhecido como Guerra Sino-Japonesa.

O confronto mais sangrento dessa guerra foi a Batalha de Xangai, em 1937. E, durante o bombardeio a uma estação ferroviária, o fotógrafo H. S. Wong registrou uma cena que chamaria atenção mundial para o conflito.

A Fotografia

A icônica foto foi tirada em 28 de agosto de 1937, mês de início dos conflitos. Wong, que trabalhava para a Hearst Metrotone News, chegou à Estação Ferroviária do Sul logo após o ataque, relatando posteriormente que seus sapatos “estavam ensopados de sangue”. Foi aí que ele viu um bebê chinês, chorando próximo à sua mãe morta nos trilhos do trem.

Após registrar a cena, Wong correu para ajudá-lo – mas não foi preciso, pois seu pai chegou a tempo e levou a criança embora. A imagem em preto e branco do bebê desamparado foi enviada a Nova York, correndo o mundo entre setembro e outubro. Vista por mais de 130 milhões de pessoas, ela passou a representar a dor da China perante os ataques japoneses, sendo batizada de Sábado Sangrento.

Provavelmente, essa foi a cena mais popular dos noticiários da década de 1930. Sua fama despertou o olhar ocidental para os confrontos na Ásia, moldando a opinião popular contra um adversário bem claro: o poderoso e cruel Império Japonês.

Sentimentos anti-japoneses foram despertados em países como EUA, Reino Unido e França, e uma onda de simpatia veio do Ocidente para a China. Os japoneses nacionalistas passaram a alegar que a imagem era falsa, e que Wong, conhecido por ser contra a invasão do país, havia montado a cena junto ao pai da criança.

Mas, apesar das acusações de falsidade, o sucesso do registro foi tanto que ele acabou sendo incluído entre as 100 Fotografias que Mudaram o Mundo.


Saiba mais sobre os conflitos no Japão e China durante o século 20:

1. The Rising Sun: The Decline and Fall of the Japanese Empire 1936-1945, de Sam Sloan e John Toland – https://amzn.to/2PqczG2

2. The Rape of Nanking: The Forgotten Holocaust of World War II, de Iris Chang – https://amzn.to/3464Lh5

3. The Siege of Tsingtau: The German-Japanese War 1914, de Charles Stephenson – https://amzn.to/2JpQ6p4

4. Clash of Empires in South China: The Allied Nations’ Proxy War with Japan, 1935-1941, de Franco David Macri – https://amzn.to/32OzSgC

5. A grande fome de Mao, de Frank Dikotter – https://amzn.to/2JpQjbQ

Aventuras na História. 26.10.2019.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.