Notícias

Eu vou ao filósofo!

¡Voy al filósofo!

A filosofia como consulta, como assessoramento, como orientação tanto para pessoas como para organizações. A filosofia prática.

Algum dia poderemos dizer vou ao filósofo como decidimos vou ao médico, ao psicólogo ou ao assistente fiscal? Formará parte de nossa normalidade cotidiana? Na época clássica da Grécia e Roma, as grandes escolas (epidúrea, peripatética ou estoica) tinham uma finalidade prática e pública. O filósofo assessorava e ajudava a pensar. Este papel da filosofia, que o cristianismo eliminou, tem se recuperado nos últimos anos graças a praxis filósofo alemão Gerd Achenbach.

Na Espanha há exemplos de assessoramento filosóficos individuais e também consultorias para empresas e organizações. Omar Linares, doutor em filosofia prática individual, tem consulta por telefone e atende a pessoas individualmente, cara a cara ou online via videoconferência. A maioria das pessoas buscam a consulta porque tem um dilema “contou na janela? Quais tipos de dilemas?” dilemas trabalhistas quando sente que não tem vocação, de casais por relações que se afastam ou estão mortas, pois há medo de romper” são os planejamentos mais habituais, por isso, estou não em um consultório psicológico. “O filósofo ajuda a pensar, pois não trata de transtornos mentais nem tem manuais de diagnósticos nem curam nada, porque não trata de enfermidades” quer deixar claro Omar Linares, “porque nosso âmbito é o pensamento, trabalhamos com crenças, valores e ideias”

Diferente é o caso de Miguel Seguró, pesquisador da cátedra ETHOS na Universidade Ramón Llull, professor da UOC e autor de “A vida também pensa”. Desde a docência da universidade oferece assessoramento a empresa e organizações. “Nas empresas o foco se coloca na vida e comunidade, em como são as dinâmicas de grupo, e isso se parece mais a política” nos conta o Miguel Seguró que reconhecer que tem elaborado até “um código ético para profissionais de políticas por ordem de uma instituição” . Até o futebol clube Barcelona tem se dirigido a eles para que os assessorem, mas eles não fizeram isso somente no momento da derrota , senão quando estão lá em cima, “a consulta do clube vem no melhor momento quando a entidade se pergunta quais devem ser os valores da Barça, porque quando as coisas vão bem e também um bom momento para planejar as dúvidas.

Omar Linares e Miguem Seguró são dos exemplos na Espanha de filosofia prática, aplicada a vida cotidiana, de estar presente na vida pública, social e até política. Eles defendem que um dia chegue a presidência do Senado um filósofo, Manuel Cruz. Miguel deseja ao seu companheiro e amigo “lucidez”, Omar “deseja-lhe o melhor, mas sente tudo o que ele vai ter que aturar a partir de agora”. Terá que ser tomado com filosofia.

Tradução: Neemias Moretti Prudente, Editor do Factótum Cultural.

Cadenaser. 21.5.2019.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.